Friday, June 27, 2008

Sacos plásticos: vilões da degradação ambiental


Crédito: www.flickr.com

Um saco plástico pode demorar até 500 anos para se decompor na natureza. Ainda assim, a maioria dos supermercados, padarias, açougues, farmácias e até bancas de revistas no Brasil, fazem uso indiscriminado desse tipo de embalagem. Essa prática torna o produto responsável por 10% de todo o volume do lixo depositado nos aterros sanitários do país. Esses e outros assuntos foram discutidos na tarde desta quinta-feira (26/06), durante o Seminário ‘Alternativas ao uso de Sacolas e Sacos Plásticos’, na Câmara Municipal de Belo Horizonte.

O Encontro vai orientar a regulamentação da Lei Municipal nº 9.529/08, do Vereador Arnaldo Godoy, que dispõe sobre o uso de sacos ecológicos no comércio da Capital. “A proposta estabelece prazo de três anos para os empresários se adequarem à lei. Depois, serão obrigados a optar pelo material biodegradável”, explicou Godoy.

Presente no encontro, Sinara Inácio Meireles Chenna, da Superintendência de Limpeza Urbana de Belo Horizonte – SLU, disse que quatro mil toneladas de lixo são recolhidas na cidade diariamente. Ela explica que cada morador chega a gerar 0.692kg de lixo por dia e, destes descartes, 25% são de recicláveis (papel, metal, plástico e vidro). Conforme ela, o percentual de lixo urbano reciclado em BH corresponde a apenas 30 toneladas por dia.

“Sacolas plásticas são o pico do iceberg”, admitiu a representante da Associação Mineira de Supermercados - Amis, Andréa Gilbert, esclarecendo que o seguimento vai aguardar a conclusão dos estudos sobre os plásticos biodegradáveis para uma adesão unificada. Carrinhos feitos com garrafas PET, sacolas retornáveis em tecido cru e slogans como “Respeite a natureza. Seja consciente ao usar sacolas plásticas”, foram citados por Andréia como bons exemplos de supermercados que, mesmo antes das exigências, já estão administrando na teoria da reciclagem.

Incentivos para o consumo consciente

O presidente da Associação Mineira da Indústria de Panificação – Amip, Antonio de Pádua Moreira, esclareceu que nas seis mil padarias do Estado circulam cerca de quatro milhões de pessoas por dia, sendo 1.500 de clientes só em Belo Horizonte. Para incentivar mudanças de comportamento nos consumidores a Amip vai distribuir trinta mil sacolas retornáveis durante o ‘Minas Pão 2008’ (em julho no Expominas). As sacolas permanentes terão um preço entre R$ 1,39 a R$ 2,50, incluindo um código de barras, e servirão para os estabelecimentos associados concederem descontos aos consumidores que usarem as sacolas nas compras de padaria.

Lúcia Pacífico Homem, do Movimento das Donas de Casa e Consumidores de Minas Gerais –MDC-MG, advertiu que as sacolas plásticas, distribuídas nos supermercados da Capital, têm apresentado péssima qualidade, além de se tornarem principal causa dos entupimentos das bocas de lobo e esgotos durante as chuvas.

A coordenadora municipal do Procon – Proteção e Defesa do Consumidor, Stael Christian Riani Freire, destacou o desperdício e mau uso de materiais nas instituições públicas que, para ela, precisam interagir mais com o meio ambiente. A coordenadora defendeu uma parceria entre pesquisadores, incitativa privada, sociedade civil e órgãos públicos, como forma de fazer valer a lei de substituição de sacolas plásticas, proposta pelo Vereador Arnaldo Godoy.

Por Georgiana de Sá - Exclusivo para a Amda

4 comments:

/3árbara said...

Eu quero essa sacolinhaaa!hehe!
Tomara q seja aprovada.
Vamos fazer nossa parte,neh?
bjoo!

Equipe VOZ said...

Conheça VOZ, o site para quem tem algo a dizer

Cara Georgiana,

Você, que escreve no blog OFICINA, e se interessa em expor suas idéias sobre os temas relevantes para o desenvolvimento do Brasil, está convidado a conhecer o portal VOZ.

O VOZ é um espaço onde todas as pessoas que como você têm algo a dizer, podem participar do debate sobre questões tão fundamentais sobre o país que queremos ter.

A sua voz é muito importante. Saiba mais como participar e solte a voz. www.dialeto.net/clientes/voz


Equipe VOZ.

Equipe VOZ said...

Conheça VOZ, o site para quem tem algo a dizer

Cara Georgiana,

Você, que escreve no blog OFICINA, e se interessa em expor suas idéias sobre os temas relevantes para o desenvolvimento do Brasil, está convidado a conhecer o portal VOZ.

O VOZ é um espaço onde todas as pessoas que como você têm algo a dizer, podem participar do debate sobre questões tão fundamentais sobre o país que queremos ter.

A sua voz é muito importante. Saiba mais como participar e solte a Voz. www.dialeto.net/clientes/voz

Equipe VOZ.

H. R. Silva said...

Georgina,
Primeiro de tudo, parabéns pela matéria, nota-se que vc teve um grande trabalho de apuração e redação. Ficou muito boa. Sou aluno de jornalismo da ufmg e tbm estou correndo atrás de informações sobre essa polêmica das sacolas plásticas, talvez eu tenha que fazer uma matéria também. Posso contar com vc e sua experiência na apuração pra me ajudar caso seu precise? Me envia uma resposta se ver esse comentário para, enniohrsilva@yahoo.com.br

acesse tbm meu blog: www.enniohrsilva.blogspot.com

abraço